Emissão da NFC-e em contingência off-line

A NFC-e é um documento eletrônico, transmitido via internet, que substitui o cupom fiscal. Ela pode ser emitida em estabelecimentos com alto fluxo de pessoas no ponto de venda, e seja por uma falha duradoura ou pequena na conexão com a internet, o envio de uma ou mais notas pode falhar. Num ponto de venda com fluxo elevado de consumidores torna-se impossível conviver com esta situação.

Para amenizar este problema existe a contingência off-line. A contingência é uma forma de emissão alternativa da nota eletrônica, e a contingência off-line é um forma específica para a NFC-e, adotada na maioria dos estados, que serve especificamente para falhas na conexão com a internet. Embora não exista nada definido na legislação é interessante que o número de notas emitidas neste modelo de contringência não ultrapasse 5%, para evitar problemas com o fisco.

Seguindo orientações do governo, que podem ser encontradas neste link, quando estiver sem internet pode passar a emitir as notas em contingência off-line. E quando a transmissão de uma nota falhar por problemas na conexão, pode emiti-la em contingência, mas é necessário usar outra numeração para evitar problemas com duplicidade caso a primeira nota tenha sido recebida pela Sefaz, mesmo com a ocorrência do erro. Exemplo, a transmissão da nota número 8941 falhou por um problema na conexão, então emite a 8942 em contingência off-line.

Nosso sistema trabalha seguindo esta recomendação, desde que você ative a configuração que o instrui a reemitir as notas em contingência. Para ativar esta configuração tecle A no ponto de venda (PDV), vá na aba NOTAS FISCAIS, na aba FORMA DE EMISSÃO E CONTINGÊNCIA, e selecione a opção "1 - GERAR OUTRA NOTA COMO OFF-LINE E ALTERA O STATUS DA ATUAL PARA PENDENTE DE VERIFICAÇÂO". Mas você deve perceber que ela traz algumas consequências. Se a primeira nota tiver sido recebida pela Sefaz você terá duas notas para uma mesma venda e, por isso, terá que cancelar esta primeira, já que a segunda é a que gerou o danfe em posse do cliente. Por outro lado, se a primeira nota realmente não foi recebida pela Sefaz você deve inutilizar a numeração.

Não é preciso dizer que todo este processo gera um trabalho manual extra. Com o passar do tempo temos aperfeiçoado nossos sistemas para minimizar este esforço. Consulte o APÊNDICE E no final do manual de nota eletrônica disponível neste link: nota_fiscal_eletronica_4u.pdf.

Apenas tome alguns cuidados, para não cancelar uma nota que não foi reemitida em confingência e para não apagar indevidamente nenhuma nota que foi transmitida corretamente. As notas canceladas não podem ser apagadas do sistema, mas também não aparecerão no alerta de pendentes. Se seguir os passos do manual acima fará o procedimento correto e da melhor forma a otimizar seu trabalho.

Em caso de dúvidas nosso suporte está à disposição.